quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

NA ARQUIBANCADA?

— Rospo, olhei para o circo do universo...
— O circo estelar?
— Um circo que viaja pelos astros, visita a via láctea e percorre outros cantos do infinito...
— E o que você viu nesse circo... ?
— Não vi, mas procurei... Procurei e não encontrei...
— O que você procurou, minha querida?
— Você!
— Eu não estava lá?
— Procurei em todos os cantos da arquibancada e não o encontrei...
— Você me procurou na arquibancada do circo maior?
— Sim, mas não o vi...
— Procurou errado, minha cara...
— É?
— Eu não estava mesmo na arquibancada...
— E onde você estava?
— O tempo todo lá, no picadeiro.

HISTÓRIAS DO ROSPO 2011 - 440
Marciano Vasques
Leia em CIANO

Um comentário:

  1. Muito legal esse diálogo, criativo ao extremo.
    Grande abraço e sucesso!

    ResponderExcluir

Pesquisar neste blog